quinta-feira, 31 de março de 2011

Será que já posso dizer: 'te amo'?




Confesso que já vi inúmeros conflitos simplesmente sumirem no momento em que alguém resolveu dizer "eu te amo". Mesmo em meio a erros drásticos, incompreensões graves e desencontros tolos!

Quando alguém fala de amor tudo muda; coisas aparentemente muito importantes perdem espaço e até dificuldades são superadas, porque alguém resolveu falar: "eu te amo". Cuidado! Amor contido faz sofrer muito e sofrer mais ainda quem não faz romper o medo de amar com a coragem de quem resolve viver.

É isso que você precisa fazer e rápido. Agora é com você! Se não percebeu, eu lhe digo rapidinho que amar e dizer que ama é uma decisão que só você pode tomar. Tenha pressa, sim! Reflita comigo: a maioria dos problemas tem como causa o desamor! Experimente dizer: "eu te amo". Se puder, depois, conte-me os resultados!

Aproveite! É Quaresma, tempo de revisão e mudança de vida!


Ricardo Sá

Texto extraído do site da Canção Nova


Postado por Felipe Drews - Coordenador do Pós CLJ

Um comentário: