sexta-feira, 29 de junho de 2012

Dia de São Pedro


     



     Inicialmente um pobre pescador da Galiléia nascido em Betsaida, às margens do rio Jordão, junto ao lago de Genesaré, que se tornou discípulo de Jesus, conhecido como o Príncipe dos Apóstolos, e tido como fundador da Igreja Cristã em Roma e considerado pela Igreja Católica como seu primeiro Papa (42-67). Ignora-se a precisa data de seu nascimento e as principais fontes de informação sobre sua vida são os quatro Evangelhos (Mateus, Marcos, Lucas e João), onde aparece com destaque em todas as narrativas evangélicas, os Atos dos Apóstolos, as epístolas de Paulo e as duas epístolas do próprio apóstolo. Filho de Jonas, da tribo de Neftali, e irmão do apóstolo André, seu nome original era Simão e na época de seu encontro com Cristo morava em Cafarnaum, com a família da mulher (Lc 4,38-39). Pescador, tal como os apóstolos Tiago e João, trabalhava com o irmão e o pai e foi apresentado a Jesus, em Betânia, por seu irmão que já era discípulo de São João Batista e lá tinha ido conhecer o Cristo, por indicação de São João. 

     No primeiro encontro Jesus o chamou de Cefas, que significava pedra, em aramaico, determinando, assim, ser ele o apóstolo escolhido para liderar os primeiros propagadores da fé cristã pelo mundo. Jesus, além de muda-lhe o nome, o escolheu como chefe da cristandade aqui na terra: "E eu te digo: Tu és pedra e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela. E eu te darei as chaves do reino dos céus; e tudo o que ligares sobre a terra, será ligado também nos céus" (Mt. 16: 18-19). Convertido, despontou como líder dos doze apóstolos, foi o primeiro a perceber em Jesus o filho de Deus. Junto com seu irmão e os irmãos Tiago e João Evangelista, fez parte do círculo íntimo de Jesus entre os doze, participando dos mais importante milagres do Mestre sobre a terra. Teve, também, seus momentos controvertidos, como quando usou a espada para defender Jesus e na passagem da tripla negação, e de consagração, pois foi a ele que Cristo apareceu pela primeira vez depois de ressuscitar. Após a Ascensão, presidiu a assembléia dos apóstolos que escolheu Matias para substituir Judas Iscariotes, fez seu primeiro sermão no dia de Pentecostes e peregrinou por várias cidades. 

     Fundou as linhas apostólicas de Antioquia e Síria (as mais antigas sucessões do Cristianismo, precedendo as de Roma em vários anos) que sobrevivem em várias ortodoxias Sírias. Encontrou-se com São Paulo, em Jerusalém, e apoiou a iniciativa deste, Paulo de Tarso, de incluir os não judeus na fé cristã, sem obrigá-los a participarem dos rituais de iniciação judaica. Após esse encontro, foi preso por ordem do rei Agripa I, encaminhado à Roma durante o reinado de Nero, onde passou a viver. Ali fundou e presidiu à comunidade cristã, base da Igreja Católica Romana, e, por isso, segundo a tradição, foi executado por ordem de Nero. Conta-se, também, que pediu aos carrascos para ser crucificado de cabeça para baixo, por se julgar indigno de morrer na mesma posição de Cristo Salvador. Seu túmulo se encontra sob a catedral de S. Pedro, no Vaticano, e é autenticado por muitos historiadores. É festejado no dia 29 de junho, um dia de importantes manifestações folclóricas, principalmente no Nordeste brasileiro.



Fonte: www.portalsaofrancisco.com.br

sexta-feira, 22 de junho de 2012

Programa Shalom de cara nova


      



      O tradicional programa de rádio comandado pelo Pós-CLJ da Paróquia São José está de cara nova. O Programa Shalom que vai ao ar todos os sábados às 10h00min pela Rádio Vida 104.9 FM agora tem uma equipe fixa de sete jovens que aceitaram essa missão de evangelizar através da comunicação, e estarão todos os sábados debatendo sobre os mais diversos assuntos, levando até o ouvinte muita informação e diversão, são eles: Bibiana  Bicca, Bruno Trindade, Douglas Monteiro, Gabriel Knappe, Luana Pinheiro, Matheus Fernandes e Taylor Bulsing. Neste novo formato, além do tema principal (que será debatido) o Programa Shalom também apresenta quadros de notícias, curiosidades, piadas, dicas, frase do dia, enquetes, etc.

      Se você perdeu a pré-estreia, NÃO PERCA a grande estreia que será neste sábado dia 23/06/2012. E também participe durante a semana respondendo as enquetes lançadas na Fan Page do Programa no Facebook, ou “ao vivo” pelo Twitter.

      Twiter: https://twitter.com/ProgramaShalom  (@ProgramaShalom)

      Esperamos sua participação, Até mais e SHALOM!


domingo, 17 de junho de 2012

Eaí Tchê, se preparando para a JMJ Rio 2013?




Ano que vem o Brasil sediará um dos maiores eventos do mundo: a Jornada Mundial da Juventude (JMJ). O encontro será no Rio de Janeiro entre dos dias 23 e 28 de julho.

No entanto, todo País se envolverá na organização e divulgação da JMJ. Um dos momentos de preparação para a jornada é a chegada da cruz e do ícone de Nossa Senhora no Rio Grande do Sul que ocorre em 10 de novembro deste ano em Santa Maria.

Neste dia, ocorre o encontro do Bote Fé no Santuário da Medianeira. Além de vigília de oração, ocorrerão shows musicais com Anjos do Resgate, Grecco e Pe. Zezinho. Depois de passar por Santa Maria, a cruz segue para Soledade e depois vai visitar a Diocese de Cachoeira do Sul no dia 13 de novembro.

Antes disso, ocorre por aqui a Caminhada pela Vida, no dia 22 de julho. O encontro vai marcar que faltam 365 dias para a JMJ. O evento será no Parque da Romaria e terá participação de jovens de toda a diocese.

Se tu estás por fora de todas essas informações acesse o Eaí Tchê! Não sabe o que é isso? É o portal da juventude do Rio Grande do Sul e tem tudo o que tu precisas saber para a jornada. Inclusive a nossa diocese já foi notícia por lá, quer ver:

Encontro de Área em Santana da Boa Vista http://www.eaitche.com.br/pages/news.jsp?id=182
Curso de espanhol prepara CLJ de Cachoeira para JMJ 2013: http://www.eaitche.com.br/pages/news.jsp?id=115
Cachoeira do Sul realiza formação sobre a cruz peregrina http://www.eaitche.com.br/pages/news.jsp?id=134
Setor Juventude de Cachoeira do Sul traça planos para o primeiro semestre http://www.eaitche.com.br/pages/news.jsp?id=98

quinta-feira, 14 de junho de 2012

Salgadores e iluminadores



     Uma das experiências mais penosas pelas quais passamos é a de vivermos nas trevas, de não enxergamos uma luz no fundo túnel, de sermos envolvidos pela escuridão. Os que moram à beira mar por vezes fazem essa experiência do mar escuro, soturno e misterioso. Os pescadores carregam suas lanternas para observar os cardumes, evitar os arrecifes e orientar a ponta da barca. Bonito esse espetáculo de um farol possante que ilumina o negrume do mar ou holofote potente que lança um jato de luz no bailarino que se contorce ao som de uma composição de Tchaikovski. Trevas, escuridão, medo, apreensão… Luz, claridade, estímulo…

     Não podemos ser pessimistas frente ao tempo atual. Houve tempos piores. Piores, mas diferentes, porque o inimigo era declarado. Sabia-se onde era sua toca e o seu esconderijo. Aos poucos chegaram os tempos em que as pessoas quiseram, até certo ponto com razão, se desvencilharem de preconceitos, de autoritarismos e de doutrinas que se diziam infalíveis, mas eram pura fantasia. Hoje, no entanto, cada geração e cada individuo quer ser dono de sua vida e de sua história, não poucas vezes, em detrimento do outro. A impressão é que muitos estão vivendo a escuridão de uma noite sem claridade: os casados não sabem porque se casaram, os espertalhões aproveitam de amizades nos corredores do poder, a família é invadida por ideologias que destroem a convivência, que cortam as novas gerações com as raízes do passado. Não poucos cristãos e católicos perderam o gosto de celebrar a ceia do Senhor e de viver a fé no dia a dia da vida.

     “Vós sois o sal da terra”. Os discípulos de Cristo com seu jeito de viver as bem-aventuranças, com sua “mania” de criar fraternidade por onde passam, com sua reverência delicada para com o mundo criado, com sua capacidade de se contentaram com as coisas necessárias para uma vida digna, dispostos a reconciliar-se com os que os desprezam, capazes de dar dois mil passos com quem pede mil, fascinados com o encontro com Deus belo e grande encontrado no silêncio do quarto e no templo do universo, com sua alegria que não é frenesi vazio iluminam o mundo, salgam a terra. São pessoas importantes em todos os campos. Sua presença discreta é benfazeja. Por vezes, incomodam com seu jeito. Mas é assim que eles, com a força de Deus, iluminam o mundo e salgam a terra!

     O evangelho pede que a luz dos discípulos brilhe diante dos homens para que vendo as obras esses homens e mulheres possam despertar do torpor e louvar o Pai que está nos céus. Os cristãos salgadores e iluminadores fazem um bem que não pode ser mensurado


Seja luz                                                                                                                
Anjos de Resgate

Todo aquele que entrega a vida nas mãos de Jesus,
Absorve e armazena o poder da Sua luz.
Tendo uma vela acesa, coloque-a sobre a mesa.
Pra anunciar o Reino do Céu às nações, assim seja!
Luz! Seja luz, Para aqueles que ainda precisam encontrar Jesus.
Seja luz! Mostre ao mundo que vive nas trevas que existe uma luz É Jesus. É Jesus.
Vem Espírito Santo, traz luz ao meu coração.
Faz de mim um luzeiro pra vida do meu irmão.
Vou semear a Sua paz. Quero ensinar o Seu amor.
Unja-me dá-me a graça de ser o Seu servo, Senhor!

Talentos 
Rodrigo Grecco

Como esse pássaro
Que sobrevoa as vinhas
Como águia ou andorinha
Que precisa só voar
Como essa água
Cai da serra
Corre vales
Vai por todos os lugares
Como água para o mar
Vem esse canto natural
Se para tanto é necessário
Simplesmente ser eu mesmo pra cantar
Como o ser que busca o sol numa campina
Meu sorriso se ilumina
Se Deus toca o Coração
E se lembrasse
Que é sal e luz do mundo
Pensaria num segundo:
Nunca devo me ocultar
De que adianta
Ser a ave voadora
Ter o canto do canário
E para sempre me calar
Então seria como ser a luz da vela
Iluminando uma capela
E uma sombra lhe abafar
Ser sal da terra
E o sabor que em si encerra
Se perder pelo espaço
E pelo espaço não teria serventia
Seja luz!
Para brilhar pelo mundo
Pra dar sabor para as coisas
Se o talento vem de Deus
Nunca há de se ocultar

Fonte: www.reflexoesfranciscanas.com.br

terça-feira, 12 de junho de 2012

Para descontrair

Em 2010, logo após a realização do 1º CLJ 1 na Diocese de Cachoeira do Sul, Felipe e eu gravamos um vídeo com um pronunciamento dele, que na época era presidente do pequeno secretariado.

O vídeo é bem divertido e tem até making off. Confere aí:



quinta-feira, 7 de junho de 2012

Festa de Corpus Christi


    A Festa de Corpus Christi é a celebração em que solenemente a Igreja comemora a instituição do Santíssimo Sacramento da Eucaristia; sendo o único dia do ano que o Santíssimo Sacramento sai em procissão às nossas ruas. Propriamente é a Quinta-feira Santa o dia da instituição, mas a lembrança da Paixão e Morte do Salvador não permite uma celebração festiva. Por isso, é na Festa de Corpus Christi que os fiéis agradecem e louvam a Deus pelo inestimável dom da Eucaristia, na qual o próprio Senhor se faz presente como alimento e remédio de nossa alma. A Eucaristia é fonte e centro de toda a vida cristã. Nela está contido todo o tesouro espiritual da Igreja, o próprio Cristo.


    A Festa de Corpus Christi surgiu no séc. XIII na diocese de Liège, na Bélgica, por iniciativa da freira Juliana de Mont Cornillon, (†1258) que recebia visões nas quais o próprio Jesus lhe pedia uma festa litúrgica anual em honra do sacramento da Eucaristia. Aconteceu, porém, que quando o padre Pedro de Praga, da Boêmia, celebrou uma Missa na cripta de Santa Cristina, em Bolsena, Itália, aconteceu um milagre eucarístico: da hóstia consagrada começaram a cair gotas de sangue sobre o corporal após a consagração. Alguns dizem que isto ocorreu porque o padre teria duvidado da presença real de Cristo na Eucaristia.

    O Papa Urbano IV (1262-1264), que residia em Orvieto, cidade próxima de Bolsena, onde vivia São Tomás de Aquino, informado do milagre, então, ordenou ao Bispo Giacomo que levasse as relíquias de Bolsena a Orvieto. Isso foi feito em procissão. Quando o Papa encontrou a Procissão na entrada de Orvieto, teria então pronunciado diante da relíquia eucarística as palavras: “Corpus Christi”. Em 11 de agosto de 1264 o Papa emitiu a bula "Transiturus de mundo", onde prescreveu que na quinta-feira após a oitava de Pentecostes, fosse oficialmente celebrada a festa em honra do Corpo do Senhor. São Tomás de Aquino foi encarregado pelo Papa para compor o Ofício da celebração. O Papa era um arcediago de Liège e havia conhecido a Beata e percebido a luz sobrenatural que a iluminava e a sinceridade de seus apelos.

    Em 1290 foi construída a belíssima Catedral de Orvieto, em pedras pretas e brancas, chamada de "Lírio das Catedrais". Antes disso, em 1247, realizou-se a primeira procissão eucarística pelas ruas de Liège, como festa diocesana, tornando-se depois uma festa litúrgica celebrada em toda a Bélgica, e depois, então, em todo o mundo no séc. XIV, quando o Papa Clemente V confirmou a Bula de Urbano IV, tornando a Festa da Eucaristia um dever canônico mundial.

    Em 1317, o Papa João XXII publicou na Constituição Clementina o dever de se levar a Eucaristia em procissão pelas vias públicas. A partir da oficialização, a Festa de Corpus Christi passou a ser celebrada todos os anos na primeira quinta-feira após o domingo da Santíssima Trindade. A celebração normalmente tem início com a missa, seguida pela procissão pelas ruas da cidade, que se encerra com a bênção do Santíssimo.



Fonte: wiki.cancaonova.com

terça-feira, 5 de junho de 2012

A história da JMJ

    O ano de 1985 foi declarado Ano Internacional da Juventude pelas Nações Unidas. Em março houve outro encontro internacional de jovens no Vaticano e no mesmo ano o Papa anunciou a instituição da Jornada Mundial da Juventude. 

    Todos os anos ela acontece em âmbito diocesano, celebrada no Domingo de Ramos e, com intervalos que podem variar entre dois e três anos, são feitos os grandes encontros internacionais.
     

Encontros internacionais:

1986: A primeira Jornada Mundial da Juventude, realizada em Roma em 1986, teve como lema "Estejam sempre preparados para responder a qualquer que lhes pedir a razão da esperança que há em vocês” (1Pd 3, 15). A celebração aconteceu em âmbito diocesano.
1987: A JMJ seguinte, em 1987, o primeiro dos encontros fora de Roma ocorreu em Buenos Aires, na Argentina, com o lema “Nós conhecemos o amor que Deus nos tem, pois cremos nele.” (1 Jo 4, 16). Na ocasião, um milhão de pessoas participaram do evento.
1989: A quarta Jornada Mundial da Juventude se deu em 1989, em Santiago de Compostela,na Espanha, com o lema: “Eu sou o caminho, a verdade e a vida”(Jo 14,6).
1991: Em 1991 foi a vez da Polônia, terra natal de João Paulo II. Foi a primeira reunião dele com milhares de jovens em um país do Leste Europeu. A 6ª JMJ aconteceu em Czestochowa, com o lema “Vocês receberam o Espírito que os adota como filhos" (Rm 8,15).
1993: A 8ª JMJ foi realizada em Denver, nos Estados Unidos, em 1993, sob o lema “Eu vim para que tenham vida, e a tenham plenamente” (Jo 10,10).
1995: A maior jornada realizada até hoje, em número de participantes, cerca de quatro milhões, aconteceu em Manila, nas Filipinas em 1995, com o lema “Assim como o Pai me enviou, também eu vos envio"(Jo 20,21).
1997: Paris, na França, recebeu a 12ª Jornada Mundial da Juventude em 1997 com o lema “Mestre, onde moras? Vinde e vereis" (Jo 1,38-39)
2000: “E o Verbo se fez carne e habitou entre nós" (Jo 1,14) foi o lema da grande Jornada de 2000, o ano do Jubileu da Juventude. A 15ª JMJ aconteceu em Roma, na Itália e reuniu quase três milhões de jovens.
2002: A 17ª Jornada Mundial da Juventude, em 2002, foi realizada em Toronto, no Canadá, com o lema “Vós sois o sal da terra... Vós sois a luz do mundo" (Mt 5,13-14). Foi a última Jornada com a presença do Papa João Paulo II.
2005: No ano de 2005 a juventude acolheu de braços abertos a primeira jornada conduzida pelo Papa Bento XVI, realizada em sua terra natal, a Alemanha. Colônia foi a cidade sede da 20ª JMJ que teve como lema "Viemos adorá-lo" (Mt 2, 2) e recebeu aproximadamente um milhão e meio de peregrinos.
2008: "Recebereis a força do Espírito Santo, que virá sobre vós, e sereis minhas testemunhas" (Atos 1, 8) foi o lema da JMJ da Austrália, em 2008. Na cidade de Sydney milhares de jovens cruzaram os continentes para participar da 23ª edição da Jornada.
2011: Em agosto de 2011 cerca de dois milhões de jovens se reuniram para a 26ª Jornada Mundial da Juventude, realizada em Madri, na Espanha, com o lema “Enraizados e edificados em Cristo, firmes na fé” (cf. Cl 2, 7).

Fonte: www.rio2013.com

Pós neste sábado começa às 14 horas

Neste sábado, o horário de início da reunião de pós do CLJ São José será alterado. O encontro vai começar às 14 horas. O aviso foi dado no sábado passado, porém, para os que não estavam presentes a mudança é novidade.

A reunião de pré também se mantém no mesmo horário, às 14 horas. Já o pós-Onda tem início às 14h30, conforme previsto.

Avisem os demais componentes sobre a alteração. Até sábado.