quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Egoísmo

Por Diácono Carlinhos


O egoísmo é o hábito ou a atitude de uma pessoa colocar seus interesses, opiniões, desejos, necessidades em primeiro lugar, em detrimento (ou não) do ambiente e das demais pessoas com que se relaciona. (Fonte: Wikipédia)

A Bíblia nos diz que o egoísmo nos destruirá.

Portanto você jovem líder cristão, cuidado com suas ações e atitudes egoístas. Encontramos isso no Evangelho de Marcos 8, 36-37 “Pois que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua vida? Ou que diria o homem em troca da sua vida?”

O egoísmo é a causa central dos problemas que há entre pessoas. A Bíblia nos diz em São Tiago 4, 3 “Pedis e não recebeis, porque pedis mal, para o gastardes em vossos deleites.”

Mas o egoísmo tem remédio, primeiro fazendo uma analise de meus procedimentos e verificando se tenho essa característica. Depois verificando em quais momentos eu sou egoísta e em terceiro lugar querendo mudar e tomando atitudes que demonstrem que eu estou deixando para trás essa atitude.

O egoísmo pode estar relacionado ao material, ao amor, às amizades...

O egoísta quer tudo para si, quer que todos pensem do seu jeito, quer impor suas ideias para todos e espera que todos o achem o melhor.

Na amizade o egoísta usa as pessoas de acordo com os seus interesses, as pessoas ficam ao seu dispor, e principalmente, essa pessoa lhe é muito inteligente, interessante, etc, etc, mas enquanto está bem, na menor dificuldade ou durante um momento de crise, não lhe serve mais, vai buscar outra pessoa para se servir.

Isso não é uma amizade verdadeira, isso é uma amizade funcional. É uma amizade de interesses, ou seja, ela só mantém uma pessoa do seu lado achando que essa possa lhe trazer algum benefício, senão, descarta. A pessoa egoísta também é muito egocêntrica, muitas vezes acha que o mundo gira em torno do seu próprio umbigo e isso é muito grave, pois futuramente sofrerá muito.

Não são dessas relações que Jesus fala na Bíblia... Porque um cristão sob-hipótese alguma pode ser egoísta. Jesus ensina que o verdadeiro amigo é aquele que ama, cuida, zela e principalmente está junto do outro quando esse está sofrendo, doente, solito ou isolado.

Existe um escritor irlandês chamado Bernard Shaw que diz: “O pior pecado contra os seres humanos não é o ódio para com os homens, mas a indiferença.” E o egoísta trata as pessoas com uma indiferença absurda, menos quando estes estão ao seu serviço, quando usa ou precisa das pessoas o egoísta é gentil, educado, carinhoso, mas somente enquanto precisa dessas.

Madre Teresa de Calcutá faz uma afirmação muito inteligente sobre esse momento: “A pior doença a que nos nossos dias estamos sujeitos, não é a lepra ou a tuberculose, mas o sentimento de que se é indesejado, e de que se está sem apoios, abandonado”. Para que o mal triunfe, basta que aqueles que lhe podem opor permaneçam indiferentes. Ou seja, um verdadeiro amigo, um verdadeiro irmão, jamais deixa aquele que ele ama sozinho, principalmente quando este está sofrendo.

O egoísmo é uma praga para o relacionamento! Ele é totalmente oposto ao significado de amar, que em resumo é doação. Amar é colocar a dedicação ao outro sempre antes do próprio interesse. Quem realmente sabe amar entrega-se totalmente à relação e não se importa em abrir mão de certas vontades para a satisfação do ser amado (seja amigo, irmão, namorado...). Investe constantemente nesse relacionamento, mesmo sem ser correspondido. Sente-se bem quando o outro demonstra alegria e quando o outro está feliz.

Logo, uma pessoa egoísta não é capaz de demonstrar amor com o outro, durante a dor e o sofrimento deste, muitas vezes o abandonando por causa de suas próprias necessidades e vontades, pois nesse momento o outro não poderá estar inteiramente ao seu dispor e ao seu servir, assim é descartável.

Cabe a cada um de nós avaliarmos se somos ou não egoístas.

Se você tem uma pessoa egoísta ao seu lado, tente mostrar para ela o quanto você sofre e quanto ela te magoa; e se mesmo assim ela não quiser mudar, a escolha da sua felicidade estará em suas mãos.

Se você sabe que é uma pessoa egoísta tente ser diferente, aprenda a amar; comece a avaliar e respeitar as necessidades do outro no momento em que ele mais precisa, vai fazer seu relacionamento durar muito e ser forte.

Trate o outro como gostaria de ser tratado naquele momento!

Pense nisso!

Nenhum comentário:

Postar um comentário