quinta-feira, 23 de junho de 2011

MINHA CONDUTA COMO CRISTÃO É?

 X
Minha conduta como cristão é motivo de orgulho para Cristo, para a Igreja e para o movimento... Sou reflexo de Deus e dou testemunho desse Jesus que morreu por mim!

Por isso estou em COMUNHÃO com Ele.

CUIDA SENHOR ONDE DÓI, CURA SENHOR BEM AQUI, CURA SENHOR ONDE EU NÃO POSSO IR...

Sim, Jesus o “Pão da Vida” pode curar tudo em ti...

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Vinde Espírito Santo enchei os corações...

Evangelho de Jesus Cristo, segundo São João 6, 51-58

Naquele tempo, disse Jesus às multidões dos judeus: 51“Eu sou o pão vivo descido do céu. Quem comer deste pão viverá eternamente. E o pão que eu darei é a minha carne dada para a vida do mundo”. 52Os judeus discutiam entre si, dizendo: “Como é que ele pode dar a sua carne a comer?”

53Então Jesus disse: “Em verdade, em verdade vos digo: se não comerdes a carne do Filho do Homem e não beberdes o seu sangue, não tereis a vida em vós. 54Quem come a minha carne e bebe o meu sangue tem a vida eterna, e eu o ressuscitarei no último dia. 55Porque a minha carne é verdadeira comida, e o meu sangue, verdadeira bebida. 56Quem come a minha carne e bebe o meu sangue permanece em mim e eu nele. 57Como o Pai, que vive, me enviou, e eu vivo por causa do Pai, assim aquele que me recebe como alimento viverá por causa de mim. 58Este é o pão que desceu do céu. Não é como aquele que os vossos pais comeram. Eles morreram. Aquele que come este pão viverá para sempre”.

MEDITAÇÃO

Não basta apenas consumir fisicamente o “Pão”, é preciso cumprir tudo que Ele nos ensina, estar em “comunhão” com Ele... Isso é, perto da Igreja, de seus mandamentos, cumprindo suas propostas... Sendo fiel à Palavra Sagrada, onde não há meio termo.

As propostas de Cristo são contrárias às propostas que o “maligno lhe faz”... As propostas de Cristo contrariam ao mundo mundano...

Contrariam aos valores que a sociedade nos propõe hoje... Uniões homossexuais, sexo livre, orgias, ter, poder, prazer... (relações, satisfações e prazeres que duram pouco e deixam marcas profundas que jamais serão apagadas em nossa consciência, durante toda nossa existência terrena e inclusive, nos condenam por toda a eternidade... afetam a nossa consciência e o nosso existir por todos os tempos).

Convivo com muitas pessoas que trocaram sua verdadeira felicidade por momentos de prazer e alegria. Que sucumbiram frente às propostas do mundo, pessoas que não tiveram forças para superar seus desejos físicos e seus impulsos orgânicos... hoje são pessoas tristes... afirmam que não compensou... se pudessem voltar no tempo voltariam, mas isso não é possível.

Convivo com pessoas que hoje sofrem, choram, se machucam, bem como, levam dor, tristeza, vergonha, frustração e lamentações a todos aqueles que realmente lhe são caros (família – irmãos - amigos...).

Não esqueça que a eternidade, começa já, aqui e agora, consiste na vivência do poder amoroso de Deus. Jesus é o pão que nós tocamos, vemos e vivemos pela Palavra e pela Eucaristia que nos foram deixados como sustento.

As ferramentas que o maligno usa são tantas... (pessoas; redes sociais; festas que profanam o corpo, onde as pessoas são usadas como objetos para degustação... “mulheres free” servem de iscas para trazerem mais consumidores em busca de suas presas...) Hoje, temos muito mais discípulos do mal do que do bem... E quanto mais aceitarmos suas propostas, mais fracos ficamos e menos o “Pão da Vida” conseguirá nos abastecer...

Seguir a proposta do mal, vamos nos tornando promíscuos, queremos ficar parecidos com aqueles a quem queremos seguir, por isso muitos se mutilam, usam de palavras e frases depreciativas, precisam baixar seu nível - palavrões, desgraçam os outros, passam a ser indiferentes aos bons e retos sentimentos dos outros, fracos na fé, com sentimentos ruins, revoltados, indiferentes com a dor e o sofrimento dos outros, se afastam dos convites que Deus os faz e fez, passam aceitar os convites e as propostas do mundo...

Pare! Veja para onde esses teus “sins” estão te levando... Se são para perto de Cristo ou para perto do diabo...

Pela Eucaristia nós passamos a pertencer a Nosso Senhor e Ele passa a habitar em nós. Quem comunga o Corpo e o Sangue de Cristo fica semelhante a Ele e manifesta no mundo o Seu poder e a Sua glória pela vivência do Amor... “é o céu bem aqui...” assim, ficamos justamente com qualidades contrárias às acima relatadas... Começam a fazer o bem, cuidam e preservam o corpo (Templo de Deus), tem uma conduta elogiável e passam a ser motivo de orgulho a todos com quem convivem, mudam o círculo de amizades, ambientes, a conduta e a postura moral... são verdadeiros líderes e legítimos testemunhas de Cristo a serem seguidos...

REFLEXÃO

• Hoje estamos em comunhão com Cristo?

• Nossas atitudes nos santificam?

• Damos verdadeiro testemunho de jovens líderes cristãos?

Nossas ações são motivos de orgulho para Cristo, para a Igreja e para o nosso movimento?

• Imitamos a Cristo e a Igreja?

Medite sobre esta afirmação de Jesus, “Eu sou o pão da vida” e pense na sua vida, o que você tem experimentado e o que você tem sentido em relação a Jesus e mais uma vez esteja consciente de que Cristo está vivo para dar a você a nova vida... “hoje eu quero voltar...” Sim, volte aos braços do Pai e esteja lá com Ele na fila da comunhão, pois como afirma o Papa Bento XVI, longe da Igreja não há salvação.

SHALOM!

Um comentário:

  1. ser sal e luz, e não deixar que o mundo de hoje em dia deixe apagar a chama do amor de Deus.

    ResponderExcluir